TEMA 16: Como anda o sonho brasileiro?
   Luiz  André Medeiros  │     6 de outubro de 2015   │     11:46  │  0

Tema 16

PROBLEMÁTICAS:

  • A complexidade de conceituação de classes sociais: a definição se dá apenas na análise da renda ou fatores como educação, origem familiar e capital cultural devem ser considerados?
  • Segregação racial e a dificuldade da mobilidade de classes;
  • A “nova classe média”: 30 milhões de brasileiros alcançaram a ascensão social nos últimos anos. Entendendo a formação da classe média alta através da apropriação de capital cultural, a “nova classe média” é, na verdade, uma classe social diferente;
  • A concentração de riqueza no topo da pirâmide: a distância entre a classe média alta e a “nova classe média”;
  • Características emocionais e afetivas como fatores para a mobilidade ascendente de classes: estudos mostram que crianças que tiveram maior cuidado e atenção na primeira infância têm mais chances de mobilidade ascendente que aquelas que não tiveram;

INTRODUÇÃO:

Nos últimos anos, 30 milhões de brasileiros alcançaram a ascensão social, fato que deu origem à chamada “nova classe média”. Entretanto, essa “nova classe média” é, na verdade, uma classe social diferente. Isso porque, conceitualmente, a formação da classe média alta se dá na apropriação de capital cultural, o que não ocorre na formação da “nova classe média”. Essa ascensão é um fato positivo, sim, contudo, ainda há muito que melhorar: investir em educação e profissionalização, promover a inclusão social e diminuir as desigualdades de renda são pontos fundamentais para alcançar o sonho brasileiro.

HIPÓTESES DE SOLUÇÃO:

  • Investir em educação;
  • Qualificar a mão de obra;
  • Oferecer melhores empregos;
  • Promover a inclusão social.

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *