Texto do Aluno Redação em Debate (32)
   Luiz  André Medeiros  │     11 de agosto de 2016   │     16:49  │  0

          Confira hoje, nessa quinta-feira, mais uma postagem do Projeto Redação em Debate em homenagem mais uma aluna que alcançou o objetivo dos 1000 pontos da redação, segundo os critérios de correção do ENEM. Essa é a nossa queria Alana Oliveira, que já é fera Medicina CESMAC 2016.2, mas que busca mais uma aprovação na Federal ou na Estadual de Alagoas. Confira agora a redação na íntegra:

O ativismo digital é a nova maneira de fazer política andre

Chamada Revisão Fim de ano Redação andré

          Na visão contratualista, o Estado deve promover a sociabilidade, devido ao fato de o homem não a ter como algo da própria essência. Assim, o voto é posto como mecanismo de participação cidadã na atuação estatal. Um novo “pacto social”, entretanto, precisa ser praticado, tendo como aliado principal o ativismo digital, visto que votar de quatro em quatro anos não é mais uma efetiva forma de inclusão política.

          É certo que a internet é palco de manifestações preconceituosas e de discursos de ódio, porém, levando-se em consideração que é um meio democrático, a educação e o senso crítico podem ser “armas” no combate à parte negativa do meio virtual. Desse modo, tendo em vista o alto número usuários da rede mundial de computadores, a tecnologia pode ser usada como ferramenta dialógica política, baseada, obviamente, no respeito mútuo.

          A participação cidadã é, segundo o pensador Robert Putnam, essencial nesse processo de sinergia entre o Estado e sociedade, a fim de diluir os problemas sociais. Nesse sentido, o ciberespaço libera a expressão pública e atende às novas exigências de uma população mais escolarizada e crítica. Para tanto, porém, a expansão do uso da internet para todas as classes é fator básico para a atuação conjunta e para o retorno da crença nas mudanças no país.

          Logo, o Estado é importante na tarefa de criar plataformas de debates públicos que envolvam questões relacionadas a projetos de lei, por exemplo: discussões e esclarecimentos a respeito do casamento gay, mudanças nas grades escolares, entre outros. Além disso, é imprescindível que o ambiente escolar estimule a participação e o respeito à opinião alheia, por meio de atividades dinâmicas e mesas redondas, com o objetivo de decidir temas de seminários e a melhor maneira de consolidação dos trabalhos em grupo.

11111

Nota da aluna:

22222

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *