Texto do Aluno Redação em Debate (34)
   Luiz  André Medeiros  │     12 de agosto de 2016   │     12:45  │  1

          Sexta-feira também é dia de prestigiar o resultado do empenho dos nossos alunos do Projeto Redação em Debate. Com a aproximação do ENEM nossas postagens se tornarão mais frequentes, tanto para trazer cada vez mais informação para os que acompanham nossa página, como para dar a oportunidade de homenagear devidamente a maior quantidade de alunos “900+”. Confira agora o texto da aluna Adriane Gomes, mais uma a atingir a marca dos 960 pontos e que possui grandes chances de repetir o sucesso nos vestibulares que se aproximam.

O ativismo digital é a nova maneira de fazer política andre

Redação da aluna Adriane Gomes:

          Em coadunação ao filósofo Marshall Mcluhan, as novas tecnologias eletrônicas tendem a encurtar distâncias e transformar o mundo em uma “aldeia global”, na qual a velocidade de comunicação é quase instantânea. Nesse viés, a internet traz um novo pacto social, baseado na ideia de que o ativismo politico tornou-se uma arma a favor da democracia. Faz-se imprescindível, então, ampliar a atuação do intervencionismo virtual, ao passo que se deve tratar a difusão desse meio com as condições de direito universal.

          o ciberativismo surge na década de 1990 como uma forma de trocar opiniões e aglomerar pessoas, de diferentes partes do globo, com os mesmos ideais. Desse modo, prosperou-se como o meio contemporâneo de maior influência nas questões mundiais, visto que permite findar o privilégio do Estado por meio de mobilizações. Com isso, o sociólogo Manuel Castells concatena com a ideia de que essas manifestações tecnológicas modificam o cenário, permitindo que o indivíduo seja autônomo, isto é, as barreiras, anteriormente responsáveis pela desistência ou falta de ânsia para participar de mudanças, foram exacerbadamente diminuídas, elevando-os a um patamar que anos atrás era considerado inatingível. É notório que a rápida disseminação de informações é, atualmente, o melhor método de demonstrar insatisfação e reivindicação e, por esse, motivo, faz-se de extrema importância difundir a liberdade conquistada, para que o direito à democracia seja plenamente dominado.

          Em contrapartida, tanta tecnologia contribuiu não só para o progresso, mas também para pontos negativos. A medida que avança, essa expansão aumenta a intolerância e o desrespeito, ocasionados pela fácil propagação do ódio, graças à simplicidade e à possibilidade de anonimato.. Além disso, a internet ainda não faz parte integralmente dos princípios constitucionais, e as punições concebidas aos eventuais choques de opinião não possuem tanta severidade. na perspectiva Baumaniana, a atualidade vive em um “estado de interregno”, ou seja, de incertezas, no qual não se tem conhecimento dos limites e proporções que a internet possibilita – de pequenos manifestos a revoluções, há um mundo que consegue transformar o que é virtual em algo real.

          Logo, é essencial que os poderes públicos aumentem a receptividade do sistema político à expressão popular nas redes e nas ruas, mediante o oferecimento de plataformas digitais para acatar, virtualmente, as reivindicações e opiniões da população; assim como, deve conceber áreas comuns com conexão wi-fi gratuita, com o objetivo de garantir a todos a oportunidade do ativismo cibernético. Ademais, cabe à própria sociedade ser mais participante e coagir aos outros, por meio da disseminação em redes sociais, de campanhas sobre os problemas que foram remediados devido à internet e, ainda, pode agir, em conjunto com a mídia, com debates e propagandas sobre como o universo virtual é eficaz no combate ao individualismo do Estado, a fim de estimular a intervenção de um número maior de cidadãos.

Chamada Revisão Fim de ano Redação andré

1111

Nota da aluna:

22222

>Link  

COMENTÁRIOS
1

A área de comentários visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que que firam a ética e a moral não serão liberados.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blogueiro.

  1. Jelson Gomes

    Essa é a raiz do conhecimento estruturado da sapiência com inteligência. Fala o que sabe e sabe o diz. Parabéns Drika. Papis!!!

    Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *